13 de setembro de 2016

Cida abre série de entrevistas da CBN João Pessoa

Cida Ramos durante entrevista na CBN. Foto: Gabriela Muniz

Cida Ramos durante entrevista na CBN. Foto: Gabriela Muniz

Angélica Nunes

A candidata a prefeita de João Pessoa pela coligação “Trabalho de Verdade”, Cida Ramos (PSB), inaugurou na manhã desta terça-feira (13) a série de entrevistas com os candidatos à prefeitura da capital na CBN João Pessoa (101,7 FM). A socialista respondeu a perguntas dos três blogueiros de política do JORNAL DA PARAÍBA, Laerte Cerqueira, Rubens Nóbrega e Suetoni Souto Maior, bem como a questionamentos dos ouvintes da rádio e da produção.

A entrevista foi transmitida ao vivo, com a intermediação da apresentadora Nelma Figueredo. Após se apresentar aos ouvintes, Cida respondeu às perguntas dos jornalistas. Em seguida, a candidata respondeu aos ouvintes. No terceiro bloco foi a vez de perguntas elaboradas pela produção da CBN, encerrando com as considerações finais e agradecimentos da candidata. “Esta é uma oportunidade de debater a nossa cidade, pensar a cidade que queremos”, afirmou Cida Ramos.

Contratação precária de servidores

O jornalista Suetoni Souto Maior questionou a candidata sobre o número de servidores com contratos precários, tanto na gestão do governador Ricardo Coutinho, quanto na prefeitura da capital. O estado, ele ressaltou, ainda tem a figura do codificado (contratados apenas com CPF). Cida Ramos discordou dos números que foram declarados pelo governo do Estado ao Tribunal de Contas do Estado. Ela ainda afirmou que é preciso fazer uma revisão entre os servidores públicos e os serviços que estão instalados e se comprometeu a realizar concurso público, em especial para a área da educação, onde estariam o maior número de prestadores de serviço.

Jampa Digital e Cuiá

Do Blog do Rubão, o jornalista Rubens Nóbrega cobrou da candidata a conclusão de obras inacabadas que são alvos de investigação federal, como o Jampa Digital (programa para instalação de internet grátis sem fio nas ruas da cidade) – no qual foram investidos R$ 43 milhões e nunca realizado pela gestão do então prefeito Ricardo Coutinho – e o Parque Cuiá, alegando que a população cobra a continuidade dos projetos, que envolvem milhões. Cida Ramos afirmou que continuidade  de Jampa Digital e Cuiá não estão entre as prioridades da sua futura gestão. “Nossa prioridade será com a saúde, educação e mobilidade urbana”, encerrou.

Apropriação de obra federal

Já o jornalista Laerte Cerqueira interpelou a candidata sobre a inclusão da obra federal para ampliação de uma terceira faixa na BR-230, inseridas em seu programa de governo como uma de suas propostas de mobilidade urbana. Cida Ramos disse que não estaria enganando a população inserido a obra em seu programa de governo, já que parte da verba foi obtida através de emenda parlamentar do candidato a vice de sua chapa, Wilson Filho (PTB), e que, se for eleita, a prefeitura estará atenta no acompanhamento da execução do projeto.

“Não se trata de uma enganação, se trata de algo que vamos fazer através do nosso vice nos vamos acompanhar e fazer com que o governo federal possa fazer. Estamos também propondo uma grande obra de interligação entre os bairros de Mangabeira e Valentina e se articulam pelo Vale do Cuiá, além de 60 km de ciclovia, incentivando o ciclismo para o trabalho e a questão do BRT que foi prometida e não cumprida”, incluiu.

Voto de Manoel Junior pela cassação de Cunha

Ao ser questionada sobre a interpretação que faz da mudança do posicionamento do deputado Manoel Junior (PMDB), vice na chapa de reeleição de Luciano Cartaxo, ao votar favorável à cassação do aliado político e ex-presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB), Cida Ramos disse que cabe a ele responder, mas voltou a lembrar da participação do peemedebista ao longo do processo para evitar o afastamento de Cunha. A socialista também minimizou o voto de Wellington Roberto (PR) favorável a Cunha. “Nós temos apenas uma aliança para as eleições, Manoel Junior está compondo chapa com o prefeito”, disse.

Mais entrevistas 

A sabatina segue nesta quarta-feira (14), com entrevista com o candidato a prefeito do PSOL, Victor Hugo (PSOL). Na quinta-feira (15) é a vez do prefeito de João Pessoa e candidato à reeleição, Luciano Cartaxo (PSD). A rodada de debate com os candidatos se encerra na sexta-feira (16), com a participação do Professor Charliton (PT). As entrevistas têm início a partir das 10h, e o espaço do público está garantido através do WhatsApp da emissora: 98132-4088.